quarta-feira, 26 de março de 2014

Pastor diz que o país “é o número Um do mundo em pecado” e que “no reino de Yahuh, não haverá cristão moderno”

O pastor queniano David Owuor afirmou que o Brasil é o país “número 1 em pecado”, e fez duras críticas às roupas curtas das mulheres e à homossexualidade, num sermão apocalíptico que alertou sobre a volta iminente de Yahushua (...).
David esteve no Brasil para uma visita a São Paulo, Rio de Janeiro e Campo Grande (MS), onde ministrou na Conferência de Arrependimento e Santidade e a Preparação para a Vinda do Messias, abrangendo vários temas relacionados com a igreja cristã contemporânea.
Conhecido como “profeta da chuva”, David Owuor é um cientista médico que abandonou a carreira acadêmica para se dedicar-se ao ministério evangelístico. Durante suas pregações ao redor do mundo, ele tem feito críticas sérias e graves ao que chama de “apostasia da igreja”, além de protagonizar cenas de orações por chuva em locais de seca. Num dos vídeos que circulam na internet, o pastor “determina” aos céus que se abra e libere chuva, e logo após o término das orações, uma chuva de mais de uma hora atinge o local.
No sermão em Campo Grande, o “profeta da chuva” disse que as “manchas da igreja” têm influência direta na situação atual da sociedade brasileira: “Escolhi Campo Grande porque Yahushua falou comigo. Agora, com a minha chegada, vocês estarão prontos para receber o Messias. Vocês devem sair do pecado e se arrepender para recebê-lo”, afirmou.
Para David Owuor, as igrejas “pararam no tempo” e deixaram a sociedade servir de influência: “Como é possível a Igreja alegrar-se com o mundo, enquanto o relógio já mudou? [...] Ovelhas são ovelhas, e sempre vão obedecer. Como querer repreender o pecado, se você está no pecado?”, disse o pastor, direcionando boa parte de suas críticas aos líderes evangélicos, de acordo com informações do Campo Grande News.
A teologia da prosperidade, amplamente difundida no país através das igrejas neopentecostais, foi alvo de severos apontamentos por parte de David Owuor: “Não existe um contrato entre o senhor Jesus Cristo (Yahushua) de que garanta segurança e prosperidade. [O Evangelho] não é dê e receberá em dobro”, afirmou, acrescentando que os “falsos apóstolos” têm pregado a necessidade de enriquecimento para manter os fiéis nessa busca insensata: “São esses que pregam no púlpito e, em seguida, bebem e fumam”, comentou.
Os hábitos ligados ao figurino adotado pelas mulheres também foram alvo do pastor, que adotou postura bastante rígida: “Vim para varrer as minissaias, calças apertadas, mentiras, falsidade, prosperidade, fumo e a bebida. Se esforcem para viver em paz com todos os homens e serem santos [...] Porque ainda temos meninas no culto com saias curtas e calças apertadas, que vão para mostrar a silhueta?”, questionou.
“Quando cheguei ao Brasil e entrei no carro, queria fechar os olhos para não ver. Se você olhar o vestido das mulheres, você verá que o Brasil foi para o inferno”, disse o pastor.
A questão da homossexualidade também foi abordada pelo pastor, que seguiu a linha já pregada por boa parte dos líderes cristãos no Brasil, apesar de usar um tom mais agudo em suas palavras: “No reino de Deus, não haverá cristão moderno”, afirmou, fazendo referência à necessidade de a igreja se manter pregando contra a homossexualidade.
Por Tiago Chagas

Assista o vídeo do Pastor David Owuor, abaixo e tire suas conclusões:


QUAL É A SUA ESPERANÇA?

            
Existe um ditado que diz “ME DIGAS COM QUEM ANDAS QUE TE DIREI QUEM ÉS”, e embora seja praticamente impossível identificarmos o autor desse ditado, pois há séculos deve ter caído em domínio público, percebemos que o autor de alguma forma deve ter se inspirado nos ditos do rabino Shaul (Paulo) quando diz: “Não vos enganeis: as más conversações corrompem os bons costumes”. [Qorintyah Alef (1 Coríntios) 15: 33], ou seja, o servo quando caminha lado a lado com mundanos acaba mudando os costumes perfeitos que aprendeu na Palavra de Yahuh e passa a agir mundanamente. Muitos dos ditos servos dizem: tenho que conviver no trabalho, na escola, etc. com mundanos, e que seria impossível viver nesse mundo sem esse convívio, e eles têm razão, mas devemos lembrar sempre que o verdadeiro servo de Yahuh deve fazer a diferença, demonstrar essa diferença, em todo o seu agir, em todo o seu pensar, em todo o seu relacionamento, vestir, falar, conviver com colegas de trabalho ou dentro de uma sala de aulas não significa que o servo deva participar de encontros, festas, etc.com mundanos. Yahushua em sua maravilhosa oração por seus discípulos, contida no capítulo 17 do livro de Yahuhanan (João) pede claramente ao Eterno: “14 Dei-lhes a tua palavra, e o mundo os odiou, porque não são do mundo, assim como eu não sou do mundo. 15 Não peço que os tires do mundo, mas que os livres do mal”. E logo diz também: “Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo”. [Yahuhanan (João) 16: 33]. Yahushua venceu o mundo não sendo moldado por ele, mas sim permanecendo no caminho e longe do pecado. Portanto o servo verdadeiro jamais poderá participar de tais “FESTINHAS”, pois: “Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores”. [Tehillim (Salmos) 1: 1].

Quando conversamos com alguém, que se autointitula servo, fora do prédio que eles chamam de igreja ou templo (nem sequer aprenderam que a congregação de Yashuru é composta pelo povo de Yahuh, ou seja, o conjunto dos que são fiéis a Yahuh, lembrem-se: o último templo foi derrubado no ano 70 de nossa era), podemos perceber que é o mesmo que conversar com qualquer mundano, pois só sabe falar de trabalho, futebol, notícias mundanas, falar mal dos outros, se for homem, sobre mulheres, se for mulher sobre homens... Gostam de contar piadinhas apimentadas, e agora nessa época em que o governo brasileiro mundano mudará de mãos, só falam em política... Como se essa mudança fosse resolver alguma coisa para esse sistema corrompido e perdido em que temos ainda que viver, mas se mudarmos o assunto para algo ligado a Palavra de Yahuh logo somos interrompidos, ou logo percebemos que o tal “DITO” servo não tem a menor idéia de sobre o que estamos falando...

Quando a conversa não gira em torno do dia a dia carnal e mundano das pessoas, com certeza girará em torno da própria pessoa, ou para lamentar-se ou para vangloriar-se de algum feito próprio, afinal a autoestima e o ego hoje predominam nas conversas. Todos são coitadinhos, ninguém tem culpa, são todos santos, são todos bonzinhos e injustiçados de alguma forma... Não se lembram das palavras do Mashiach: “E ele disse-lhe: Por que me chamas bom? Não há bom senão um só, que é Yahuh (observe que nem mesmo ele se inclui aqui). Se queres, porém, entrar na vida, guarda os mandamentos”. [Mattityahu (Mateus) 19: 17], ou todos são os maiorais e sabem tudo, creio que nunca leram o que o rabino Shaul escreveu há quase 1940 anos atrás: “Ainda que também podia confiar na carne; se algum outro cuida que pode confiar na carne, ainda mais eu: Circuncidado ao oitavo dia, da linhagem de Israel, da tribo de Benjamim, hebreu de hebreus; segundo a lei, fui fariseu; Segundo o zelo, perseguidor dos santos, segundo a justiça que há na lei, irrepreensível. Mas o que para mim era ganho reputei-o perda por Yahushua Há Mashiach. E, na verdade, tenho também por perda todas as coisas, pela excelência do conhecimento de Yahushua; pelo qual sofri a perda de todas estas coisas, e as considero como escória, para que possa ganhar Há Machiach”. [Fylypsiyah (Filipenses) 3: 4-8].
Poucos entregam suas vidas ao Eterno, poucos dedicam suas vidas ao serviço espiritual, poucos dedicam suas vidas ao aprendizado, e o pior, poucos dos que se dizem pastores dedicam-se a tarefa principal de seu ministério que seria a de ensinar a Verdade, e assim, portanto, os “FIÉIS” são frequentadores de igrejas e não parte do povo de Yahuh.
A partir desse dia passei a preocupar-me mais e mais com o ensino da Palavra durante nossas reuniões, durante a escola do ministério e marquei com cada membro da congregação um dia e hora, durante a semana, para que pudéssemos realizar um estudo pessoal da Palavra... alguns aceitaram e até participaram durante alguns meses, mas a grande maioria, à medida que a Verdade ia sendo revelada, aos poucos foram deixando de comparecer a esses estudos, à escola do ministério e depois as reuniões de adoração e louvor também, finalmente desaparecendo do convívio com os “irmãos”.

Portanto hoje, quando conheço alguém que nos visita, ou que encontro na rua, ou em qualquer outro lugar, tendo chance passo a falar das boas novas do Reino de Yahuh, mas antes de iniciar e perguntar se a pessoa crê que a Bíblia é a Palavra de Yahuh logo indago: “QUAL É A SUA ESPERANÇA”?... Pois de nada nos adianta falar das maravilhas futuras se o individuo estiver buscando apenas adquirir uma aparecencia de religioso, e com isso crer que estará satisfazendo a UL, se busca ir uma dia por semana a uma “IGREJA” para sentir-se assim quites com sua obrigação perante o Pai, pois a sua esperança é a de que sua empresa venda mais, ou de que consiga um bom emprego e quem sabe até um dia chegue a ter a fortuna do pastor da igreja que ele frequenta possui... é estão atrás do pão e não da vida!
Portanto caro leitor, o convido a ler comigo uma passagem histórica, ocorrida com Yahushua Há Mashiach: “Mas há alguns de vós que não creem. Porque bem sabia Yahushua, desde o princípio, quem eram os que não criam, e quem era o que o havia de entregar. E dizia: Por isso eu vos disse que ninguém pode vir a mim, se por meu Pai não lhe for concedido. Desde então muitos dos seus discípulos tornaram para trás, e já não andavam com ele. Então disse Yahushua aos doze: Quereis vós também retirar-vos? Respondeu-lhe, pois, Kefa (Simão Pedro): Yahushua, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna. E nós temos crido e conhecido que tu és Há Mashiach, o ungido do Deus vivente”. [Yahuhanan (João) 6: 64-67].
Estás atrás do pão ou da vida? Serves a Yahuh ou a Mamom? Aguarda o retorno de Yahushua para com ele viver o milênio para restaurar o paraíso ou o busca para ter retorno material? Crê que és pecador e que o sangue derramado por Yahushua uma única vez pôde renovar a aliança? (...)

QUAL A SUA ESPERANÇA AMADO LEITOR? 

Adúlteros e adúlteras, não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Yahuh? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de UL. Ou cuidais vós que em vão diz a Escritura: O espírito que em nós habita tem ciúmes? Antes, ele dá maior graça. Portanto diz: Yahuh resiste aos soberbos, mas dá de sua misericórdia aos humildes. Sujeitai-vos, pois, a Yahuh, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós. Chegai-vos a Yahuh, e ele se chegará a vós. Alimpai as mãos, pecadores; e, vós de duplo ânimo, purificai os corações. Senti as vossas misérias, e lamentai e chorai; converta-se o vosso riso em pranto, e o vosso gozo em tristeza. Humilhai-vos perante Yahuh, e ele vos exaltará”. [Yaakov (Tiago) 4: 1-10]. 

(...) Pois manter alguém no convívio com o povo de Yahuh só para esquentar o banco, pode levedar a massa toda, pois com certeza esse/esses logo se tornarão homens/mulheres heréticos, e quanto a esses o rabino Shaul nos exorta da seguinte maneira: “Ao homem herege, depois de uma e outra admoestação, evita-o”. [Teitus (Tito) 3: 10], afinal pessoas assim: “Saíram de nós, mas não eram de nós; porque, se fossem de nós, ficariam conosco; mas isto é para que se manifestasse que não são todos de nós”. [Yahuchanan Alef (1 João) 2: 19]... e o rabino Shaul deixa mais claro ainda a posição da congregação quanto a isso: “Mas agora vos escrevi que não vos associeis com aquele que, dizendo-se irmão, for devasso, ou avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com o tal nem ainda comais”. [Qorintyah Alef (1 Coríntios) 5: 11].
Se sentires em teu coração/mente que desejas conhecer a VERDADE, busque-a, estude muito a Palavra, peça, entregue nas mãos de UL e aguarde, e se necessitar, nos procure que teremos imenso prazer em poder servi-lo ajudando-o a conhecer a PALAVRA [8: 30, 31 – “E, correndo Filipe, ouviu que lia o profeta Yeshayahu (Isaías), e disse: Entendes tu o que lês? E ele disse: Como poderei entender, se alguém não me ensinar? E rogou a Filipe que subisse e com ele se assentasse”.
(Trecho de: VONTADES e LEIS de nosso Eterno e Amoroso UL!  Sérgio Ben Efrayim-
(Suprí alguns trechos por achar desnessário ao setido do texto, compreendendo que apesar disso é possível entender o que o autor quis transmitir. Espero que o amigo Sérgio não fique chateado comigo).

terça-feira, 25 de março de 2014

O EVANGELHO DA CARNE


Muito comum hoje encontrarmos pessoas que se dizem crentes, mas que na verdade só cultuam a carne. Estão em todos os lugares, mas principalmente dentro de igrejas ditas cristãs, mas que só utilizam a fachada de servirem ao Criador, UL de Avrahan, Isaac e Yakov, para atraírem aqueles que buscam satisfação carnal e ganho pessoal. Essa heresia está tomando conta e nos basta ligar o rádio ou a televisão para logo encontrarmos alguém auto denominado pastor, evangelista, bispo ou até apostolo (alias já tem um que se auto intitulou paipóstolo) que se utiliza do mesmo expediente, parece que compraram seus sermões na mesma loja, pois todos só falam de bênçãos, curas, prosperidade, de exigir de UL o que nos é de direito, e claro terminam seus discursos exigindo também de seus cegos ouvintes dízimos, ofertas, patrocínios, etc...

O mais incrível nisso tudo é que mesmo que mostremos na Palavra de nosso UL e Pai, que tudo isso é o erro operando os adeptos dessas seitas preferem crer no que dizem esses “lobos em pele de ovelha”, ou seja, “lobos em pele de pastor” a aceitarem os ensinos inspirados da Palavra de Yahuh. Logo nos respondem que não podemos “julgar”, que não podemos falar mal desses “homens de UL”.


Alguns chegam a negligenciar a leitura da Palavra afirmando que “A LETRA MATA”, não percebendo que o que mata é a ignorância. Yahushua Há Mashiach foi bem claro quanto a isso: “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará”. [Yahuchanan (João) 8: 32] Mas nos libertará do que? De todo engano religioso, dos falsos mestres e profetas, dos falsos ensinos, da superstição, de servirmos ao príncipe deste mundo, de adorarmos mais a criatura do que ao Criador, de darmos mais atenção ao nosso próprio umbigo do que ao nosso irmão.

Temos sempre que lembrar que Yahushua Há Mashiach nos mostrou o que devemos fazer: “E a vida eterna é esta: que te conheçam, A TI SÓ, POR ÚNICO UL verdadeiro, e ao filho do homem Yahushua Há Mashiach, A QUEM ENVIASTE”. [Yahuchanan (João) 17: 3] Percebem? Conhecer ao UL Yahuh e a Yahushua o Seu ungido, isso significa estudar a Palavra, cumpri-la em sua vida e não ficar dando ouvidos a esses mercenários da fé que só falam o que os que os seguem querem escutar. “Mas o espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência”. [Timtheous Alef (1 Timóteo) 4: 1, 2]; “Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas”. [Timtheous Bet (2 Timóteo) 4: 3, 4]

E por não lerem e estudarem a Palavra não sabem que tudo o que está ocorrendo nessas “IGREJAS” já estava predito. Vejamos o que Yahushua nos fala sobre o que hoje procura a grande maioria dos pseudos crentes: “Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, SE POSSÍVEL FORA, enganariam até os escolhidos”. [Mattityahu (Mateus) 24: 24], e o rabino Shaul (Paulo) nos deixa bem claro de onde viriam estes sinais e prodígios: “E então será revelado o iníquo, a quem Há Mashiach desfará pelo assopro da sua boca, e aniquilará pelo esplendor da sua vinda; A esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira, E com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem. E por isso Yahuh lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira; Para que sejam julgados todos os que não creram a verdade, antes tiveram prazer na iniquidade”. [Timtheous Bet (2 Timóteo) 2: 8-12]; “Como está escrito: Yahuh lhes deu espírito de profundo sono, olhos para não verem, e ouvidos para não ouvirem, até ao dia de hoje”. [Romiyah (Romanos) 11: 8].

E lembrem-se do que naquele dia Yahushua dirá a estes que só procuram as sensações carnais: “Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, NÃO PROFETIZAMOS nós em teu nome? e em teu nome não EXPULSAMOS DEMONIOS? e em teu nome não fizemos MUITAS MARAVILHAS? E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; APARTAI-VOS de mim, VÓS QUE PRATICAIS A INIQUIDADE (o que é contrário à lei/Torá de Yahuh)”. [Mattityahu (Mateus) 7: 21-23].


Portanto caro leitor afaste-se desse evangelho da carne, desse evangelho que procura só dar ênfase aos prodígios e sinais, pois como ainda nos diz o rabino Shaul: “Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à misericórdia de Yahuh para outras boas novas; As quais não são outras, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar as boas novas do reino. Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outras boas novas além das que já vos tenho anunciado, seja anátema. Assim, como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outras boas novas além do que já recebestes, seja ANÁTEMA”. [Galutyah (Gálatas) 1: 6-9] (a palavra ANÁTEMA significa: destruído)...
Sérgio Ben Efrayim

32º Congresso de Missões dos Gideões pretende discutir perseguição a cristãos ao redor do mundo


O Congresso Internacional de Missões dos Gideões Missionários da Última Hora chega à sua 32ª edição. O evento que é realizado em Camboriú (SC) e  reúne pregadores pentecostais e milhares de fiéis. A programação da 32ª edição do evento prevê ministrações entre os dias 26 de abril e 5 de maio em dois locais diferentes: o Ginásio Irineu Bornhausen e o Pavilhão dos Gideões. A expectativa dos organizadores é que mais de 170 mil pessoas de todas as regiões do Brasil compareçam ao evento.

Em 2014, o tema será “Gideões: Não virem as costas para o clamor do mundo em agonia!”, que pretende discutir a perseguição religiosa contra cristãos ao redor do planeta, além das manifestações populares realizadas em junho de 2013 e previstas para acontecerem durante a realização da Copa do Mundo.(Por Tiago Chagas).

Louco e desprezível


“Portanto, irmãos, vocês que receberam o chamado de Yahu'l, vejam bem quem são vocês: entre vocês não há muitos intelectuais, nem muitos poderosos, nem muitos de alta sociedade. Mas, Yahu'l escolheu o que é loucura no mundo, para confundir os sábios; e Yahu'l escolheu o que é fraqueza no mundo, para confundir o que é forte. E aquilo que o mundo despreza, acha vil e diz que não tem valor, isso Yahu'l escolheu para destruir o que o mundo pensa que é importante. Desse modo, nenhuma criatura pode se orgulhar na presença de Yahu'l”. Paulo de Tarso.
Isaías 53 fala de um Messias desprezado, indigno e sofredor, do qual os homens não faziam caso (...) 
Está escrito que devemos ter em cada um de nós o mesmo sentimento que houve na vida do mestre Yahushua, o qual sendo o escolhido Yahushua não se deixou envaidecer por isso, mas antes, esvaziou-se dessa condição colocando-se em forma humilde,  e humilhando-se até a terrível morte que sofreu (Filipenses 2:5-8).
A presença de Yahu'l através do seu espírito  dentro do ser humano vai lhe capacitar e ensinar a maneira correta de agir,andar. Ter dentro de si a revelação da presença do seu espírito, compreendendo que é sua morada dentre os homens é um status que pode confundir mentes decaídas e neófitas.
Todavia, foi o profeta Jeremias quem decretou uma verdade sobre a qual devemos atentar sempre: “enganoso é o coração do homem, e desesperadamente corrupto…” (Jer. 17:9). Noutra versão do mesmo texto, diz que o coração do homem é incorrigível. Nossa tendência em usurpar da majestosa Glória que tem sido compartilhada por Yahu'l graciosamente com a Igreja é uma grave e incorrigível enfermidade perante a qual devemos aprender a nos posicionar utilizando a vacina correta, que é a humilhação.
As virtudes do Reino de Yahuh que nos são disponibilizadas são alcançadas com chaves específicas. Instrumentos como a fé, a disciplina, a oração e a obediência abrem portas espirituais que nos permitem utilizar de poderes sobrenaturais, mas a manutenção disso deve ser acompanhada sempre da bênção da humildade.
Você pode até dizer que estou ficando louco, mas humilhações ajudam a manter vivo dentro de você o dom precioso que o Senhor lhe confiou. O mesmo dom que, para muitos, tem sido razão de glória pessoal, tornando-se, no entanto, caminho de queda.
Prostrar-se diante do Senhor, um dia, todos irão. Cabe a nós decidir se essa humilhação será proporcionada no meio ou no fim da carreira. Quanto mais cedo entendermos este princípio, que afirma a escolha de Yahu'l pelas coisas desprezíveis deste mundo, mais rapidamente nos tornaremos instrumentos úteis em suas mãos, não nos deixando levar pela perda de tempo com coisas fúteis e sem valor, as quais, são frequentemente valorizadas pela humanidade como importantíssimas.

Enquanto sinto alguma frustração pela descoberta de ser apenas algo desprezível deste mundo, minha mente induz a lembrar da queixada de burro fresca nas mãos de Sansão, das pedrinhas e da funda do menino Davi, dos pescadores humildes que creram na palavra de seu Mestre, do bordão nas mãos de Moisés, dos parcos pães e peixes de um pequeno garoto em meio à uma multidão faminta… todos esses, embora estivessem aparentemente munidos de armas de capacidades diminutas, mudaram as circunstâncias do mundo ao redor de si, em seu tempo. Venceram guerras impossíveis, derrubaram inimigos gigantes, reconciliaram pessoas com Deus, transpuseram barreiras e alimentaram multidões.
São com esses exemplos que consigo ter a melhor definição de quem sou neste mundo: um pedaço de quase nada, um simples e inanimado instrumento nas mãos de um Yahu'ls poderoso.
É por essa razão que importa que Yahushua siga crescendo e eu diminuindo. (Por Rafael Reparador)

Vocalista do LS Jack é batizado na igreja liderada por Kleber Lucas

No sábado (15) o cantor Marcus Menna, vocalista da banda LS Jack, se batizou na igreja Soul Church, liderada pelo pastor Kleber Lucas e sua esposa, Danielle Favatto. A cerimônia de batismo reuniu outros novos convertidos da denominação e através do Instagram o pastor comentou o testemunho do músico que ficou em coma por dois meses em 2004 depois de passar por uma lipoaspiração.“Em 1 de julho de 2004, Marcus Menna, vocalista da banda LS Jack, foi internado, teve uma parada cardiorrespiratória e passou pouco mais de 20 minutos com pouca oxigenação no cérebro. Passou dois meses em coma. Os médicos consideravam praticamente impossível seu retorno, visto que ele tinha grandes chances de não ouvir, não falar e nem mesmo caminhar”, relatou Kleber Lucas. “Mas Deus é o médico dos médicos!! 
O milagre aconteceu e o Marcus voltou a viver!! hoje ele faz reeducação física, com um educador físico e quiropata, aulas de canto com uma professora que é fono e também estuda piano e inglês. O Marcus foi dispensado de fisioterapia, fonoaudiologia e psicólogo”, continuou o pastor. Kleber Lucas escreveu na legenda das fotos que ouviu uma conversa entre Marcus e seu amigo Sérgio Knust que disse ao cantor as seguintes palavras:”Deus te trouxe de volta exatamente para esse momento”. Marcus Menna e sua banda fizeram sucesso no final dos anos 1990 colocando várias músicas no topo das mais tocadas. Entre elas “Carla”, “Talvez” e “Uma Carta”. (por Leiliane Roberta Lopes)

quarta-feira, 19 de março de 2014

O Reino de Paz e Alegria.


Os dias vão passando, o tempo corre, a luta diária da vida nos leva cada vez mais próximos do desespero, da angustia. O salário que termina sempre antes do final do mês e que mal dá para as contas (se é que dá) nos deixa preocupados e ansiosos. O malabarismo dessa vida nos estressa e nos conduz a um estado de apatia. Assistimos inertes aos tele jornais, onde presenciamos catástrofes naturais, assassinatos, roubos, extorsões, depravação, corrupção no governo, nas empresas, nos homens em geral como se tudo fosse natural e normal. Já não mais nos chocamos com nada, estamos nos acostumando e muitos já creem que tudo isso seja inevitável e que nada poderá modificar o rumo das coisas.
Bom! Na realidade realmente isso é inevitável e nada podemos fazer, como nos diz o rabino Shaul (Paulo): “Sabemos que somos de Yahuh, e que todo o mundo está no maligno”. [Yahuchanan Alef (1 João) 5: 19]. Mas será que existe alguma saída? Será que um dia teremos paz e nos livraremos dessa angustia e sofrimento?
Como nos diz Yahushua no capítulo 24 do livro de Mattityahu (Mateus): “E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará”. [vs. 12]. Não é o que temos presenciado? Não é o que já ocorre com a grande maioria dos seres humanos, que hoje se trancam em suas casas e passam a ignorar o que ocorre na casa ao lado, o que ocorre com seu próximo?
Yahushua ainda nos diz: “Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo. E estas boas novas do reino de Yahuh será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim (que na verdade será o início de mais uma fase do plano do Eterno para resgatar o Seu povo)”. [vs. 13, 14]. Este fim não significa a destruição da terra, mas sim o fim do sistema iníquo, do sistema do governante desse mundo: “Já não falarei muito convosco, porque se aproxima o príncipe deste mundo, e nada tem em mim”; [Yahuchanan (João) 14 : 30]; “Agora é o juízo deste mundo; agora será expulso o príncipe deste mundo”. [João 12: 31] “E do juízo, porque já o príncipe deste mundo está julgado”. [Yahuchanan (João) 16: 11] “Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz das boas novas da glória recebida por Yahushua, que é a imagem de UL (assim como seremos após a ressurreição ou ao sermos transformados, no retorno de Yahushua)”. [Qorintyah Bet (2 Coríntios) 4: 4]
Assim sendo, caro ach, defina-se já de que lado irá ficar por toda a eternidade. Se irá sucumbir com esse sistema iníquo de coisas ou se irá estar ao lado de nosso Rei, Yahushua Há Mashiach, e de seu Pai, nosso UL (Yahuh) e Criador em seu Reino de paz e alegria.
“O que vencer será vestido de vestes brancas, e de maneira nenhuma riscarei o seu nome do livro da vida; e confessarei o seu nome diante de meu Pai e diante dos seus anjos”. [Gilyahna (Revelação/Apocalipse) 3: 5]

“E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. E eu, Yahuchanan (João), vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de UL descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido. E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de UL com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo UL estará com eles, e será o seu UL. E UL limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas. E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis. E disse-me mais: Está cumprido. Eu sou o Alfa e o Omega, o princípio e o fim. A quem quer que tiver sede, de graça lhe darei da fonte da água da vida. Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu UL, e ele será meu filho”. [Gilyahna (Revelação/Apocalipse) 21: 1-7]


Presbítero Sérgio

segunda-feira, 17 de março de 2014

Suposto pastor da Mundial aparece endemoniado em programa da IURD

No sábado (15) o Blog do bispo Edir Macedo publicou um vídeo de um programa da TV Universal onde um suposto ex-pastor da Igreja Mundial aparece dizendo que usava drogas.
O relato do homem era que ele era membro da Igreja Universal do Reino de Deus e estava sendo preparado para se tornar obreiro. Mas recebeu uma boa proposta e aceitou mudar de igreja.
Em duas semanas ele foi ungido como pastor e passou a andar com outros pastores que usavam drogas pesadas e bebiam. Ele se tornou viciado.
Ao lado da esposa ele confirmava que outros pastores da Mundial também usavam drogas e bebiam e até pregavam sob efeitos de entorpecentes.
O bispo Clodomir entrevistava o homem e se mostrava indignado pelo que estava ouvindo, principalmente quando a mulher contou que era agredida pelo marido.
Em seguida o bispo se levantou e fez uma oração de libertação. O homem caiu endemoniado e disse que foi o demônio que o fez ser pastor da IMPD e depois da oração ele foi liberto.
Essa não foi a primeira vez que os programas da IURD mostraram supostos pastores da denominação concorrente narrando casos de uso de drogas. Outros vídeos semelhantes já foram mostrados, alguns até de membros que trocaram a Universal pela Mundial e voltaram dizendo que suas vidas estavam piores. (Leiliane Roberta Lopes)


Meu manual é a Bíblia, diz a atriz Bruna Marquezine

A atriz Bruna Marquezine tem se dedicado à nova religião. De acordo com a revista Veja ela está há quatro meses frequentando o grupo de jovens “Soul da Esperança”, ligado a uma igreja batista.
Nas mais recentes entrevistas Bruna tem falando bastante sobre fé e se declarado evangélica. Criada em família católica, a jovem de 18 anos namorou o jogador Neymar e chegou a ir a um culto na igreja batista que ele frequentava no litoral paulista.
A interprete de Luíza, na novela “Em Família”, não comenta se sua conversão aconteceu por intermédio do jogador do Barcelona, com quem terminou o namoro no começo deste ano.
Foi citando a religião que ela comentou o fim do relacionamento dizendo que não mudaria sua vida para acompanhar o atleta que agora mora na Espanha.
“Largar tudo nunca foi uma possibilidade. Muitos amigos citam Freud e tal. Meu manual é a Bíblia. Sou uma pessoa de fé, cristã, frequento igrejas evangélicas. Meu caminho está traçado. Não tenho que abrir mão para estar com alguém”, disse ela em entrevista à revista TPM de março.
Na primeira vez que falou sobre a conversão ela afirmou que tem amigos evangélicos e que se sente bem. “Chegar perto de Deus (Yahuh) me ajudou muito”, comentou em outra entrevista.

(Leiliane Roberta Lopes)

O apostólo Valdemiro esteve esta semana em programa secular com apresentador e um humorista.


O apóstolo Valdemiro Santiago gravou no último mês de dezembro uma participação no programa Silvio Santos, e o SBT exibirá a atração no próximo domingo, 16 de março. Durante as gravações, o líder da Igreja Mundial do Poder de Deus contracenou com o humorista Pedro Manso, que faz uma imitação dele.
No entanto, Manso não se limitou a imitar Valdemiro, e interpretou outros personagens do meio religioso, como o bispo Edir Macedo, da Igreja Universal do Reino de Deus e maior rival de Valdemiro; o pastor Silas Malafaia, da Assembleia de Deus Vitória em Cristo; o missionário David Miranda, da Igreja Pentecostal Deus é Amor; e o papa Francisco, pontífice católico.
Segundo o site Notícias da TV, Valdemiro aprovou a imitação que Manso fez dele, mas “não esboçou reação” quando o humorista imitou seu rival ou os demais líderes cristãos.
Durante o programa, o apóstolo conversou com Silvio Santos sobre seu ministério, e contou que não tinha noção de que se tornaria um líder religioso: “Eu morava na roça e tinha medo de gente. Jamais poderia imaginar que iria pregar a palavra para multidões”.
Questionado pelo apresentador sobre como descobriu sua vocação, Santiago explicou que é um sentimento que “vem de dentro”: “A primeira coisa é a transformação que Deus (Yahuh) faz na sua vida. Isso faz você ter um sentimento que é importante, é nobre. Você entende que Deus te chamou e Ele começa a te usar para socorrer pessoas”, acrescentou.
Sobre as curas e milagres que são testemunhados por fiéis, o apóstolo disse que o líder religioso “é apenas um intermediário, porque o pastor não tem poder, aliás, homem nenhum tem poder. O poder só vem de Deus (Yahuh”).
Por Tiago Chagas

Segundo pesquisa, fé em Yahuh é essencial para se ter moral e bons costumes

Uma pesquisa feita pela Pew Research Center em 40 países, incluindo o Brasil, apontou que grande parte da população mundial acredita que a fé emYahuh é algo essencial para se ter bons costumes e levar uma vida moralmente correta.
A pergunta feita pela pesquisa foi: “A crença em Yahuh é essencial à moralidade?”. Com base nas respostas obtidas constatou-se que as maiorias em 22 países acreditavam que ter Yahuh em sua vida foi essencial para ser uma pessoa moral. Os maiores percentuais de respostas contrárias à afirmação foram constatados em nações ricas.
A resposta positiva em relação à necessidade de Yahuh foi predominante em todos os cinco países africanos pesquisados, assim como todos os países Oriente Médio, exceto Israel, onde 59% da população não acredita que Yahuh é vital para a moral de uma pessoa.
A resposta tende também à necessidade de Yahuh na maioria dos países da América Latina e na região da Ásia / Pacífico. Nenhum país europeu entre os incluídos na pesquisa apresentou uma maioria dizendo o mesmo. Os Estados Unidos registaram uma ligeira maioria crendo que Yahuh é necessário para ser uma pessoa moral, enquanto o Canadá registrou uma maioria na direção oposta.
Os Estados Unidos foram uma exceção entre os países mais desenvolvidos, com 53% de sua população defendendo a necessidade da religião para determinar a moral do indivíduo. Do lado oposto, a China se destacou entre os países asiáticos, como o maior percentual (76%) de sua população afirmando que a crença religiosa é desnecessária para a moralidade.
O maior percentual de afirmações quanto à necessidade da fé para a moral foi constatado na Indonésia e em Gana, com 99% da população. Enquanto a França se destacou entre os países que defendem a não dependência da fé, com 86% de respostas contrárias à pergunta.
Por Dan Martins

sexta-feira, 14 de março de 2014

Cantor desafia Thalles Roberto e André Valadão a visitarem o sertão para evangelizar sem cachê: “Não vai ter foto e toalhinha no camarim, mas vai ter vidas”

Circula nas redes sociais um vídeo do cantor Samuel Mariano fazendo um desafio aos maiores nomes da música gospel no Brasil para irem evangelizar no sertão do Piauí, um dos estados mais carentes do país. No vídeo, Samuel relata que foi ao estado participar de um evento e não teve coragem de ficar com a oferta recebida do pastor que dirigia a congregação do local, e optou por doar o valor, juntamente com a arrecadação da vendagem de CDs.
“O Brasil tem um lugar que é muito carente, chama-se Piauí. As pessoas não sabem disso. Eu fui cantar no Paiuí e eu não agüentei. Peguei toda a minha oferta, a vendagem de CDs, e deixei para o missionário. E isso eu não fiz porque ‘Ah, o Samuel Mariano…’. Já imaginou: eu com um carro em casa maravilhoso, e o pastor lá com um carro com pneu careca… Há seis meses ele só tava completando o óleo [do motor] porque não tinha dinheiro pra trocar. E isso, o camarada vivendo com R$ 400, R$ 500 mensalmente”, relatou Samuel.
O desafio feito pelo cantor aos artistas gospel de maior visibilidade foi relacionado ao evangelismo: “Se os cantores que estão me ouvindo… Senhor Thalles Roberto, senhor André Valadão, Davi Sacer, Fernandinho… Eu gostaria de fazer um clamor a vocês aqui: vai pro sertão, gente. Pega uma grana aí, liga pra mim, a gente faz um evento. Por quê só cidade grande, volumosa? Por quê a gente não se junta para ir evangelizar o Piauí?”, questiona.
Na sequência, Samuel alerta aos desafiados sobre a falta de publicidade e glamour nesse tipo de empreitada: “Lá não vai ter muita foto, não vai ter hotel cinco estrelas, não vai ter toalhinha no camarim, mas lá vai ter vidas”, observa.
“Vamos pra lá, na quentura de 40º C. É legal. Vamos pra lá? Eu convido vocês aí. Quem quiser, entre em contato comigo, a gente monta uma semana de cruzadas. Não tem cachê ta? São vocês que vão pagar. Isso é, se quiser, não é irmão? O meu eu pago, ta? O meu almoço, eu pago. Agora, o de vocês, vocês pagam. Passagem de avião vocês pagam… Aí vocês vão pra história desse país. Porque vocês vão pegar o dinheiro – que eu sei que vocês tem – e vão investir de alguma forma em um lugar que as pessoas só vêem vocês com uma internet péssima, travando”, disparou Samuel Mariano.
Por Tiago Chagas

meditação: A mentira.


Quando mentimos, ferimo-nos a nós mesmos. A Bíblia diz em Efésios 4:25 “Pelo que deixai a mentira, e falai a verdade cada um com o seu próximo, pois somos membros uns dos outros.” 

O nono mandamento proíbe a mentira. A Bíblia diz em Êxodo 20:16 “Não dirás falso testemunho contra o teu próximo.” 

Quando mentimos não estamos seguindo o exemplo de Yahushua. A Bíblia diz em Colossenses 3:9-10 “Não mintais uns aos outros, pois que já vos despistes do homem velho com os seus feitos, e vos vestistes do novo, que se renova para o pleno conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou.” 

Yahweh detesta a mentira. A Bíblia diz em Provérbios 12:22 “Os lábios mentirosos são abomináveis ao Senhor; mas os que praticam a verdade são o seu deleite.” 

Os que mentem são excluídos da presença de Yahweh. A Bíblia diz em Salmos 101:7 “O que usa de fraude não habitará em minha casa; o que profere mentiras não estará firme perante os meus olhos.” 

Os que são desonestos não serão permitidos entrar na cidade de Yahweh. A Bíblia diz em Apocalipse 22:15 “Ficarão de fora os cães, os feiticeiros, os adúlteros, os homicidas, os idólatras, e todo o que ama e pratica a mentira.”

Somos considerados mentirosos se dizemos que somos cristãos mas não obedecemos a Yahweh. A Bíblia diz em 1 João 2:4 “Aquele que diz: Eu o conheço, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não está a verdade.” 

Os hipócritas são mentirosos. A Bíblia diz em Tiago 3:14 “Mas, se tendes amargo ciúme e sentimento faccioso em vosso coração, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade.” 

Yahweh nos perdoará. A Bíblia diz em 1 João 1:9 “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça.”

(Fonte:Site jesusvoltara.com.br)

"A verdade sobre a "Cura Gay".

É um absurdo, uma afronta à inteligência humana, como a imprensa brasileira na sua grande maioria engole tudo o que o ativismo gay promove, como verdade absoluta, sem o mínimo de análise imparcial, sem ao menos buscar a opinião de partes contrárias, como se a verdade absoluta pertencesse ao ativismo gay.

Vejamos:
O projeto não visa curar ninguém. E pelo que me consta, a psicologia não se utiliza deste termo “cura”. O projeto tem a ver com Direitos Humanos. Nenhuma entidade de classe profissional, religiosa ou quem quer que seja, pode impedir uma pessoa de buscar ajuda se ela assim desejar e decidir. O que o Conselho Federal de Psicologia fez ao impedir que psicólogos tratem de homossexuais que vão pedir ajuda sobre a sua sexualidade, é uma afronta a Constituição e a própria ciência. Por que um heterossexual pode pedir ajuda a um psicólogo sobre sua sexualidade e um homossexual não? Em que parâmetros científicos e também legais você pode impedir um profissional de ajudar quem o procura? 

O Conselho Federal de Psicologia está ideologizado pelos “esquerdopatas” e pelo movimento gay. Pasmem os senhores: NENHUM CONSELHO
 OU SOCIEDADE DE PSICOLOGIA NO MUNDO TEM UMA RESOLUÇÃO TÃO IMBECÍL E ESDRÚXULA COMO ESTA. Em nenhum lugar do mundo o psicólogo é impedido de tratar quem o procura. É vergonhoso ver as ciências humanas virarem ciências exatas e servir ao ativismo gay.

Um princípio que rege o atendimento profissional a pessoas na área das ciências humanas é que o indivíduo é quem decide se quer ajuda ou não. Em hipótese alguma o terapeuta.

Uma outra questão: quem falou que o ativismo gay tem o monopólio do homossexualismo? É a mesma coisa se nós, pastores evangélicos, tivéssemos o monopólio dos evangélicos e por consequência o poder de determinar se um evangélico pode ou não pedir ajuda a um psicólogo porque esta com problemas em relação a sua religiosidade. Claro que nem os ativistas gays, nem nos pastores, temos o monopólio sobre ninguém. É uma afronta aos direitos de cidadania! A pessoa é livre, seja homo, hétero, católico, evangélico e etc, de pedir ajuda a quem quiser.
A safadeza da questão é que querem passar para a sociedade como se alguém estivesse obrigando os homossexuais a mudarem o seu comportamento, porque todos nós sabemos que qualquer psicólogo e médico que queira impor um tratamento a uma pessoa que não o deseja, é passivo de punição.
A verdade é a seguinte: homossexualismo é um comportamento que um indivíduo pode desejar ser ou não ser, da mesma forma que a religiosidade também é um comportamento do ser humano que ele pode deixar de ser ou vir a ser da religião que ele bem quiser. DIREITOS HUMANOS JÁ! LIBERDADE EXPRESSÃO JÁ! 
(Pastor Silas malafaia)

segunda-feira, 10 de março de 2014

“A Bíblia chama de tolos os que não creem em Yahu'l”, diz o pastor Franklin Graham


O ateísmo tem deixado de ser uma descrença em Yahu'l para se tornar um movimento hostil aos cristãos, e a intensidade das agressões à fé cristã tornou-se marcante nesta década. O pastor Franklin Graham comentou esse embate num artigo publicado pelo site Acontecer Cristiano, e disse que “a Bíblia chama de tolos aqueles que não creem emYahu'l”.
Franklin observou que os mentores do ateísmo atual são oriundos dos meios acadêmicos, onde a ausência de fé é aceita. “A Bíblia claramente os rotula como ‘tolos’. Enquanto a humanidade se recusa a reconhecer a supremacia de Yahu'l, a Bíblia diz que os que ‘professam ser sábios, tornaram-se loucos’(Romanos 1:22). O que pode ser altamente estimado entre os homens pode ser tolo diante de Yahweh Todo-Poderoso”, escreveu o pastor.
Citando a primeira carta de Paulo aos Coríntios, o pastor pergunta: “Onde está o sábio? Onde está o escrivão? Onde está o debatedor desta era? Não tornou Yahu'l louca a sabedoria deste mundo? Na sabedoria infinita de Yahu'l, a aparente ‘loucura’ da cruz, destruirei a sabedoria dos sábios (1 Coríntios. 1:18)”.
O texto de Franklin tem tom encorajador, e admoesta os fiéis a resistirem às pressões feitas pelos ateístas contra a fé em Yahu'l e a perseguição à liberdade religiosa. Em sua conclusão, o pastor – que é filho do evangelista Billy Graham – diz que a Bíblia profetiza que “crentes e não crentes reconhecerão” a Yahu'l e seu poder.
“A cruz gloriosa de nosso Salvador, onde Ele levou os pecados do mundo para satisfazer a ira de Yahu'l e oferecer o perdão para aqueles que se arrependem e crêem no seu nome , é o meio que o Senhor usa para exibir sua sabedoria majestosa. breve, muito em breve, acho que o tempo virá quando ‘em nome de Yahushua se dobre todo joelho dos que estão nos céus e aqueles na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Yahushua é o Senhor, para a glória de Yahwhe Pai’ (Filipenses 2:10-11). Crentes e não crentes reconhecerão não só a existência de um Yahu'l verdadeiro, mas também a sua preeminência sobre toda a criação, incluindo a sua própria alma. Os anjos no céu, os demônios do inferno, os remidos e os não-redimidos, toda a criação, confessará a primazia de Yahushua, Seu governo legítimo e reino sobre todos. Até então, devemos entender que todos os homens-secularista, agnóstico, ateu, humanista, moral e imoral, educado e sem instrução, estão sob o julgamento de Yahu'l, além da fé salvadora em Yahushua”.
Por Tiago Chagas

10 Frases Sobre Cultivar a Gratidão

Apenas hoje estou reconhecendo a oportunidade em vez do obstáculo. A bondade em vez da apatia, a luz no lugar da escuridão, o amor em ve...